Últimas notícias

Arqueólogos descobrem templo de 12 mil anos no norte da Turquia

Arqueólogos descobrem templo de 12 mil anos no norte da Turquia
outubro 07
19:24 2020

Há indícios de que a construção seja do mesmo período que Göbeklitepe, sítio arqueológico considerado o “ponto zero no tempo”

Escavações em Kahin Tepe, sítio arqueológico localizado na cidade de Araç, no norte da Turquia, revelaram algo surpreendente: uma construção composta por pedras e ornamentos datados do Neolítico pré-cerâmico (antes de surgir a técnica que usa argila como matéria-prima), que durou entre 12 mil e 7 mil anos a.C.

As investigações estão sendo conduzidas por especialistas do Museu de Kastamonu, distrito onde fica Araç, e da Universidade Düzce, na Turquia. Segundo o portal Hurriyet Daily News, também estão trabalhando no estudo 19 estudantes e acadêmicos de diversas universidades turcas.

De acordo com Nurperi Ayengin, chefe do departamento de Arqueologia Protohistórica e do Oriente Próximo da Universidade Düzce e consultora do estudo, a construção se encontra em um lugar estratégico. “O assentamento está em uma área acima da planície. A água que passa em frente a Kahin Tepe contribui para a economia alimentar da região, ao mesmo tempo em que fortalece a defesa.”

Arqueólogos trabalham em escavações em Kahin Tepe, na Turquia (Foto: Reprodução vídeo/https://www.aa.com.tr/)
Arqueólogos trabalham em escavações em Kahin Tepe, na Turquia (Foto: Reprodução vídeo/https://www.aa.com.tr/)

As construções escavadas eram usadas como locais de oferenda pelos povos da época. E o achado é algo inédito para os arqueólogos. “Até hoje, nenhum lugar do Mar Negro [próximo de Araç] havia sido datado a esse período [o Neolítico pré-cerâmico]”, destaca Ayengin ao Hurriyet Daily News. “[O assentamento] Data de 12 mil anos atrás. Há muitas similaridades com outros assentamentos desse mesmo período”, diz a especialista.

A construção mais famosa daqueles tempos é Göbeklitepe, situado no topo de uma colina no sudeste da Turquia, a aproximadamente 15 quilômetros da cidade de Urfa. É tido como o santuário mais antigo do mundo e considerado o “ponto zero no tempo”, porque seus pilares marcam o começo do que se conhece como civilização moderna.

Ayengin e sua equipe acreditam que os objetos encontrados em Kahin Tepe eram obtidos por meio de trocas com comunidades vizinhas. “Encontramos desde obras simbólicas até pedras de amolar. [Também] Encontramos artefatos de pedra representando animais poderosos que as pessoas viam ao redor”, relata a pesquisadora.

Göbeklitepe, na Turquia, é o sítio arqueológico mais antigo do mundo (Foto: Wikimedia Commons)
Göbeklitepe, na Turquia, é o sítio arqueológico mais antigo do mundo (Foto: Wikimedia Commons)


Os estudiosos identificaram ainda, no mesmo local, construções que remontam à Idade do Bronze. “Nessa área, vemos poços onde eram feitas oferendas. Muitos materiais foram encontrados ali, mas infelizmente a maior parte foi degradada pela atividade agrícola”, lamenta Ayengin.

Fonte: https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/Arqueologia/noticia/2020/10/arqueologos-descobrem-templo-de-12-mil-anos-no-norte-da-turquia.html

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer