Últimas notícias
  • CoE insta “fortemente” as autoridades turcas a liberar Demirtaş O Comitê de Ministros do Conselho da Europa adotou na quinta-feira uma resolução provisória "instando fortemente" as autoridades turcas a assegurar a libertação imediata do líder curdo preso Selahattin Demirtaş....
  • A crise monetária da Turquia Após a demissão do ministro das finanças e sua substituição por um lealista em 2 de dezembro, a lira turca continuou seu declínio constante em relação ao dólar, elevando suas perdas do ano para quase 50%. A moeda turca está novamente sob ataque especulativo, semelhante aos episódios anteriores em julho de 2018 e outubro de 2020. Os cortes antecipados do Banco Central da República da Turquia (CBRT) na taxa de câmbio desde setembro resultaram em um êxodo de capital estrangeiro e em uma corrida na demanda por divisas entre os investidores domésticos. Enquanto isso, os preços globais de commodities e energia permanecem altos (apesar da recente queda nos preços do petróleo), e as expectativas em relação à inflação se deterioraram significativamente, levando a taxa de câmbio TL a cair de 8,30 para 13,60 para o dólar em menos de três meses....
  • Turquia aumentará sua presença na INTERPOL, diz membro recém-eleito do Comitê Executivo A Turquia aumentará sua presença na INTERPOL aumentando seu número de oficiais de ligação na Secretaria Geral e nomeando mais candidatos para cargos superiores dentro da organização, disse na quinta-feira Selçuk Sevgel, membro recém-eleito do Comitê Executivo da INTERPOL, em entrevista à agência estatal de notícias Anadolu, informou o Stockholm Center for Freedom....
  • Papa pede por cura em um Chipre dividido, arcebispo ortodoxo ataca a Turquia Papa encontra os líderes cristãos ortodoxos de Chipre. Pede por cura na ilha dividida. Líder cipriota turco convida papa a visitar o norte. Muitos dos participantes da missa são filipinos que trabalham no Chipre...
  • Ministro das finanças da Turquia, Lutfi Elvan, demite-se em meio à crise monetária O Ministro das Finanças e do Tesouro da Turquia, Lutfi Elvan, renunciou em meio a uma forte queda da lira turca, de acordo com um decreto presidencial emitido no jornal oficial turco na quinta-feira....
  • Documentário sobre femicídios na Turquia é a indicação ao Oscar do Reino Unido Um documentário relatando os esforços dos ativistas que trabalham para acabar com a violência contra as mulheres na Turquia foi escolhido como a entrada oficial do Reino Unido para a categoria de Melhor Longa Metragem Internacional no Oscar....
  • Homem sequestrado pela inteligência turca forçado a testemunhar contra deputados da oposição Segundo Gergerlioğlu, Yasin Ugan foi forçado a testemunhar sob tortura que os dois deputados eram filiados ao movimento Hizmet, um grupo baseado na fé inspirado nos ensinamentos do clérigo turco Fethullah Gülen, que tem sido alvo do presidente turco Recep Tayyip Erdoğan desde as investigações de corrupção de 17-25 de dezembro de 2013, que implicaram o então primeiro-ministro Erdoğan, seus familiares e seu círculo interno....
  • 8 morrem em fortes tempestades que assolaram o oeste da Turquia As províncias do oeste da Turquia, incluindo a cidade mais populosa do país, Istambul, foram duramente atingidas por condições climáticas adversas, com oito pessoas morrendo como resultado de acidentes relacionados ao clima em três províncias, noticiou a mídia turca na terça-feira....
  • Autoridades na Turquia investigam avisos de escassez de medicamentos após queda da lira As autoridades turcas estão sondando as discrepâncias entre os registros e os estoques reais de alguns medicamentos, disse o Ministério da Saúde na terça-feira, depois que consumidores, farmácias e chefes de indústria advertiram sobre as interrupções nos fornecimentos devido a uma queda da moeda....
  • “Nosso dinheiro não tem valor”: Aumenta a frustração na Turquia com a crise de Lira A insistência do Presidente Recep Tayyip Erdogan em direcionar a política monetária e manter as taxas de juros baixas está drenando a confiança, dizem os economistas....

Gatos turcos esgotam ingressos de cinema da moda em NY

Gatos turcos esgotam ingressos de cinema da moda em NY
fevereiro 17
16:13 2017

O desenho animado “Lego Batman: O Filme” e a produção de sadomasoquismo para iniciantes “Cinquenta Tons Mais Escuros” dominaram as vendas de ingressos nos cinemas americanos durante o último fim de semana, assumindo respectivamente o primeiro lugar e a vice-liderança na bilheteria. Mas foi um documentário de 79 minutos produzido na Turquia, em cartaz em apenas um cinema americano, que produziu resultados impressionantes. Os ingressos para as 21 sessões de fim de semana do Metrograph – um dos mais charmosos cinemas de Nova York, situado na fronteira entre os bairros do Lower East Side e Chinatown – se esgotaram em poucas horas. Na noite de domingo (12), a pequena distribuidora Oscciloscope e o cinema conheciam o maior êxito de suas existências. A distribuidora foi lançada em 2008 e o Metrograph comemora um ano no mês que vem. O nome do documentário entrega a razão do sucesso: “Kedi”, dirigido pela cineasta Ceyda Torun, significa “gato” em turco. O poder dos gatos continua a impressionar, agora também nos cinemas.

A ação de “Kedi” se passa nas ruas de Istambul, geralmente durante o dia (raras cenas noturnas realçam ainda mais a beleza da cidade). A cineasta acompanha uma turminha de sete gatos de personalidades marcantes, e que dividem o mesmo destino: são todos sem-teto, que se aproveitam da bondade da população turca.

Gatas se enfrentam nas ruas de Istambul. (Foto: Divulgação)

Ancorado por um elenco coadjuvante de quatro patas gigantesco, os gatos principais de “Kedi” cruzam ruas da cidade, filam comida em peixarias, andam de barco, brigam no cemitério, ignoram os cachorros, defendem seus territórios em oficinas mecânicas e criam sua prole em caixas de isopor na zona portuária.

Tem a Psikopat, a “gata mais psicopata do bairro” e que afugenta fêmeas que dão em cima do “marido” dela. Tem o Duman, um elegante “príncipe” de patas sujas, gourmet total, que faz ponto na frente de um restaurante da moda (o chef do local prepara a comida preferida do felino: peru com pedacinhos de queijo manchego). Tem a gata alaranjada Sari, obstinada na coleta de nacos de pão nos quarteirões próximos de sua casa (lobby de um prédio antigo) para alimentar a faminta e ruidosa prole. E tem Aslan Parçasi (jogo de palavras que significa ‘impressionante como um leão’), que deixa um restaurante à beira do rio e frequentado por jovens turcos totalmente isento da presença de roedores nojentos.

Ninguém folga com a gatinha Psikopat, a psicopata do bairro. (Foto: Reprodução)

 

“Kedi” está longe de ser uma obra-prima. A diretora deixou de fora o outro lado da gataiada de Istambul. Como a prefeitura e as clínicas veterinárias lidam com o “problema” é contraponto ausente. Muito menos aparece o convívio conturbado entre os gatos de ruas e seus inimigos humanos.

Mas é o lado antropológico do relacionamento de alguns turcos com os gatos que torna o documentário cativante. Há desde a dona de uma loja de roupas que fala o trivial esotérico (“gatos absorvem toda sua energia negativa”) até a prosaica história de um pescador que passou a amar gatos após um golpe de sorte. Ao perder o barco e todos bens dentro dele durante uma tempestade, precisava de 120 liras para quitar uma dívida. Encontrou a exata soma quando decidiu investigar um gatinho que miava muito. O felino estava com as patas dianteiras em cima de uma carteira perdida.

Duman, que faz ponto na frente de um restaurante da moda, adora peito de peru com queijo manchego. (Foto: Divulgação)

Já o cartunista Bülent Üstün explica que, ao enterrar gatos que encontrava sem vida pelas ruas, começou a improvisar cruzes feitas de graveto para a sepultura deles como ele viu no faroeste “Três Homens em Conflito”, de Sergio Leone. “Meu pai ficou tão preocupado com a simbologia cristã, achando que eu estava me convertendo, que ele disse que ia me mandar outra vez para o madraçal (escola islâmica)”, zomba o artista em depoimento no filme.

Mas é um turco de meia idade que sintetiza o misticismo produzido pelos gatos. “Cachorros acreditam que as pessoas são uma espécie de Deus, mas os gatos, não. Gatos sabem que as pessoas agem como intermediários da vontade de Deus. Eles não estão sendo ingratos. É apenas que eles sabem melhor das coisas”.

Por Marcelo Bernardes

Fonte: folha.uol.com.br

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer