Últimas notícias

Governo transforma proeminente colégio de ciências em escola religiosa e mesquita

Governo transforma proeminente colégio de ciências em escola religiosa e mesquita
Fevereiro 04
11:21 2017

O Colégio Yamanlar, uma escola particular estabelecida por educadores afiliados ao movimento Gulen (Hizmet) na província de Esmirna, no oeste da Turquia, foi transformada em uma escola vocacional, parte de um grupo conhecido como colégios “imam-hatip”.

A biblioteca da escola foi convertida em uma mesquita gigante e renomeada como a “Mesquita Mártires de 15 de Julho” em homenagem às pessoas mortas enquanto tentavam evitar a tentativa de golpe da noite de 15 de julho de 2016.

O Colégio Yamanlar é melhor conhecido por seu sucesso nas olimpíadas internacionais de ciências. Desde que foi estabelecida, os alunos do colégio receberam um total de 146 medalhas nas olimpíadas internacionais de matemática.

Em um exemplo recente, Mustafa Ege Seker, um aluno do Colégio Yamanlar, em 1º de junho de 2015, recebeu uma medalha de ouro por um projeto de informática que fez para a 14ª Competição Internacional de Projetos de Informática InfoMatrix.

InfoMatrix, uma competição internacional de projetos de informática, nascida do desejo de reunir os melhores alunos de TI do mundo, foi realizada em Bucareste, Romênia, com a participação de 500 alunos de 41 países com 285 projetos entre 27 e 29 de maio.

Em outro exemplo, foi anunciado que Ahmet Kocatas, aluno do Colégio Yamanlar, em 25 de março de 2016, recebeu a pontuação mais alta no Exame do Ensino Superior (YGS), o exame de primeira fase do sistema de entrada na faculdade que foi ministrado em 13 de março de 2016. O Colégio Yamanlar foi estabelecido em 1982 por voluntários do movimento Gulen.

Logo após a tentativa de golpe, o governo turco fechou mais de 1.600 instituições educacionais particulares supostamente ligadas ao movimento como uma repressão massiva sobre seus seguidores, que tem continuado desde a tentativa de golpe de 15 de julho.

O presidente turco Recep Tayyip Erdogan acusou os participantes e simpatizantes do movimento de estarem por detrás da tentativa de golpe. O movimento nega qualquer envolvimento.

Esta não é a primeira vez que uma escola de ciências afiliada a Gulen foi transformada em uma imam-hatip. Em vídeos publicados anteriormente nas mídias sociais, autoridades turcas são vistas transformando uma escola na província de Van em uma escola religiosa.

Em outro exemplo, as Escolas Primária e Secundária Nehir na província de Ardahan, que fica ao leste da Turquia, foram transformadas em uma escola vocacional religiosa e renomeada como Colégio Imam-Hatip do Mártir Omer Halisdemir em homenagem a um civil morto enquanto tentava impedir a tentativa de golpe na noite de 15 de julho de 2016.

Em Sakarya, um dormitório particular que foi confiscado pelo governo como parte de uma investigação sobre o movimento Gulen foi convertido em uma escola vocacional religiosa em 25 de outubro de 2016.

O dormitório se tornou oficialmente um colégio imam-hatip em uma cerimônia que contou com a participação do prefeito de Akyazi, Hasan Akcan, e do Diretor Distrital de Educação, Recep Ozdemir, juntamente a vários professores. (Turkey Purge)

Fonte: www.turkishminute.com

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Mailer