Últimas notícias

Rússia diz que a Turquia avisou com antecedência sobre a proibição de voos na Síria

Rússia diz que a Turquia avisou com antecedência sobre a proibição de voos na Síria
maio 01
23:34 2022

A Rússia diz que a Turquia a avisou com antecedência antes de impedir os aviões russos de sobrevoar seu território para a Síria 

A Turquia tinha avisado a Rússia com antecedência antes de se mudar para barrar os aviões russos de voar para a Síria sobre seu território, disse o Ministério das Relações Exteriores russo na quinta-feira. 

A porta-voz do ministério, Maria Zakharova, disse que a Turquia havia pedido à Rússia há mais de um mês atrás para não enviar aviões com destino à Síria sobre seu território. 

Ela acrescentou que “as razões para isso eram claras para nós e o lado russo não está usando essa rota”. 

Zakharova fez os comentários em um briefing quando perguntou sobre o anúncio da Turquia no fim de semana de que ela havia interrompido os voos russos para a Turquia sobre seu território a partir do início deste mês. 

Seus comentários seguem uma declaração do Ministro das Relações Exteriores turco Mevlut Cavusoglu, que disse durante o fim de semana que pediu a Moscou que parasse de usar o espaço aéreo durante uma visita lá em março, e que Moscou concordou com o pedido turco. 

A Rússia e a Turquia apoiaram os lados opostos na guerra civil da Síria, com Moscou unindo esforços com Teerã para apoiar o governo do Presidente Bashar Assad, e a Turquia apoiando a oposição. 

Apesar das fortes diferenças, Moscou e Ancara trabalharam juntos para negociar uma série de cessar-fogos no norte da Síria. 

A Rússia usou um atalho através do espaço aéreo turco para enviar aviões de guerra para sua base na Síria, onde estão posicionados desde 2015 e pilotam aviões de carga com suprimentos para as tropas ali estacionadas. 

A proibição turca obrigaria agora os aviões russos a tomarem uma rota mais longa via Irã e Iraque, forçando-os a levar mais combustível e a reduzir a carga útil. Os aviões russos já utilizavam esse caminho durante um período de altas tensões com a Turquia, provocadas pela queda de um avião de guerra russo por caças turcos na fronteira com a Síria, em 2015. 

As tensões diminuíram depois que o presidente russo Vladimir Putin e o presidente turco Recep Tayyip Erdogan realizaram uma série de conversações para negociar compromissos sobre a Síria e outras questões. 

Não ficou claro se a última proibição turca de voos russos para a Síria visava impedir a possível transferência de combatentes sírios para a Ucrânia. Autoridades russas disseram que alguns sírios se voluntariaram para se juntar às tropas russas na Ucrânia. 

Alguns observadores disseram que o movimento turco refletiu o enfraquecimento das posições da Rússia, uma vez que suas tropas ficaram atoladas em ações militares na Ucrânia. 

A Turquia, membro da OTAN, tem tentado equilibrar suas estreitas relações com Moscou e Kiev e se posicionou como mediador entre os dois, sediando uma rodada de negociações no mês passado entre negociadores russos e ucranianos. Não aderiu às sanções internacionais contra a Rússia, mas fechou os estreitos na entrada do Mar Negro para alguns navios de guerra russos. 

Fonte: Russia says Turkey warned in advance about Syria flights ban – ABC News (go.com)  

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer