Últimas notícias

Turquia não implementará sanções dos EUA sobre Irã

Turquia não implementará sanções dos EUA sobre Irã
julho 25
13:11 2018

O ministro das relações exteriores Mevlut Cavusoglu reiterou que a Turquia não implementará sanções unilaterais dos Estados Unidos sobre o Irã, observando que Ancara passou esta mensagem a uma delegação do Tesouro Americano que estava visitando recentemente, informou o Hurriyet Daily News.

“Dissemos a eles que não vamos nos juntar a essas sanções,” disse Cavusoglu, referindo-se a uma visita do Secretário Assistente dos EUA do Tesouro para o Financiamento Terrorista, Marshall Billingslea a Ancara na semana passada.

“Compramos petróleo do Irã, compramos sob as condições corretas. Qual é a outra opção?” disse Cavusoglu que as autoridades turcas contaram à delegação dos EUA, falando em uma discussão de mesa redonda com jornalistas na terça-feira.

“Enquanto estamos explicando porque não vamos obedecer essas sanções, também expressamos que não achamos apropriadas essas sanções dos EUA,” também disse o ministro.

Em uma discussão com uma ampla gama de assuntos com jornalistas, Cavusoglu também enfatizou que a Turquia está disposta a reconciliar seus laços com a União Europeia no período que está por vir e que está planejando realizar reuniões com países europeus.

O governo turco deve continuar com as reformas, quer o processo de adesão da Turquia à União Europeia ganhe impulso ou não, disse Cavusoglu.

“Talvez não podemos dar muitos passos no processo de adesão, mas podemos melhorar a nossa cooperação em outras questões,” disse ele.

“Pelo menos podemos mudar de um ambiente negativo para um positivo quanto ao processo com a União Europeia,” disse o ministro.

Ele relembrou que uma normalização começou com a Holanda e disse que os laços com a Alemanha estão “ficando melhor.”

“Temos um bom diálogo com a França. No período que está por vir, teremos reuniões trimestrais na Europa,” disse ele.

Cavusoglu também alegou que os EUA estava levando as acusações do governo turco contra o Movimento Gulen mais a sério após a persistência deles em fornecer “mais evidências.”

O governo turco acusa o Movimento Gulen de orquestrar uma tentativa de golpe em 15 de julho de 2016, apesar de que o Movimento nega isso fortemente.

O líder do Movimento, Fethullah Gulen, tem vivido nos EUA desde 1999, e após a tentativa de golpe transformou-se em uma questão de política externa importante entre a Turquia e os EUA.

Fonte: https://www.turkishminute.com/2018/07/24/fm-cavusoglu-turkey-will-not-implement-us-sanctions-on-iran/

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer