Últimas notícias
  • Elogiar o movimento Hizmet antes da tentativa de golpe de 2016 não é crime, diz o TEDH O Tribunal Europeu de Direitos Humanos (TEDH) penalizou na Turquia por violar o direito à liberdade de expressão de um ex-professor, afirmando que os comentários públicos a favor do movimento Hizmet feitos antes de uma tentativa de golpe em julho de 2016 não constituem um crime, informou a mídia local na terça-feira....
  • Perguntas de coletiva de imprensa para Erdoğan vazadas com antecedência por jornal O presidente turco Recep Tayyip Erdoğan recebeu uma lista de perguntas em uma coletiva de imprensa na segunda-feira, que foram exatamente as mesmas perguntas vazadas anteriormente por um jornal, reforçando as alegações de que os jornalistas não são livres para perguntar ao presidente o que quiserem....
  • Conselho da Europa deve disciplinar a Turquia sobre ativista preso O Conselho da Europa disse na sexta-feira que vai lançar uma ação disciplinar contra a Turquia por se recusar a libertar o proeminente ativista e filantropo Osman Kavala, desencadeando um procedimento usado apenas uma vez na história da organização....
  • Por que a queda da moeda turca não preocupa Erdogan A moeda nacional da Turquia caiu 45% em relação ao dólar este ano e, no entanto, o Presidente Recep Tayyip Erdogan não parece ter se incomodado com isso....
  • CoE insta “fortemente” as autoridades turcas a liberar Demirtaş O Comitê de Ministros do Conselho da Europa adotou na quinta-feira uma resolução provisória "instando fortemente" as autoridades turcas a assegurar a libertação imediata do líder curdo preso Selahattin Demirtaş....
  • A crise monetária da Turquia Após a demissão do ministro das finanças e sua substituição por um lealista em 2 de dezembro, a lira turca continuou seu declínio constante em relação ao dólar, elevando suas perdas do ano para quase 50%. A moeda turca está novamente sob ataque especulativo, semelhante aos episódios anteriores em julho de 2018 e outubro de 2020. Os cortes antecipados do Banco Central da República da Turquia (CBRT) na taxa de câmbio desde setembro resultaram em um êxodo de capital estrangeiro e em uma corrida na demanda por divisas entre os investidores domésticos. Enquanto isso, os preços globais de commodities e energia permanecem altos (apesar da recente queda nos preços do petróleo), e as expectativas em relação à inflação se deterioraram significativamente, levando a taxa de câmbio TL a cair de 8,30 para 13,60 para o dólar em menos de três meses....
  • Turquia aumentará sua presença na INTERPOL, diz membro recém-eleito do Comitê Executivo A Turquia aumentará sua presença na INTERPOL aumentando seu número de oficiais de ligação na Secretaria Geral e nomeando mais candidatos para cargos superiores dentro da organização, disse na quinta-feira Selçuk Sevgel, membro recém-eleito do Comitê Executivo da INTERPOL, em entrevista à agência estatal de notícias Anadolu, informou o Stockholm Center for Freedom....
  • Papa pede por cura em um Chipre dividido, arcebispo ortodoxo ataca a Turquia Papa encontra os líderes cristãos ortodoxos de Chipre. Pede por cura na ilha dividida. Líder cipriota turco convida papa a visitar o norte. Muitos dos participantes da missa são filipinos que trabalham no Chipre...
  • Ministro das finanças da Turquia, Lutfi Elvan, demite-se em meio à crise monetária O Ministro das Finanças e do Tesouro da Turquia, Lutfi Elvan, renunciou em meio a uma forte queda da lira turca, de acordo com um decreto presidencial emitido no jornal oficial turco na quinta-feira....
  • Documentário sobre femicídios na Turquia é a indicação ao Oscar do Reino Unido Um documentário relatando os esforços dos ativistas que trabalham para acabar com a violência contra as mulheres na Turquia foi escolhido como a entrada oficial do Reino Unido para a categoria de Melhor Longa Metragem Internacional no Oscar....

‘F*da-se a Turquia’, posta o filho de Netanyahu no Instagram

‘F*da-se a Turquia’, posta o filho de Netanyahu no Instagram
maio 17
14:35 2018

Yair Netanyahu, filho do primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu, postou uma imagem controversa dizendo “F*oda-se a Turquia” em sua conta no Instagram na quarta-feira, informou o Haaretz.

Isso vem logo em seguida de um conflito diplomático entre Israel e Turquia que começou na terça-feira, quando Ancara expulsou o embaixador de Israel por causa do número de palestinos mortos pelas forças israelenses durante manifestações na fronteira de Gaza na segunda-feira.

Em resposta à imagem, os associados de Netanyahu disseram: “Yair Netanyahu é um indivíduo privado, assim como é sua conta no Instagram.”

No começo da quarta-feira, o Ministério das Relações Exteriores convocou o único representante turco que restava em Israel a uma reunião para protestar contra a verificação de segurança a que o embaixador de Israel na Turquia esteve sujeito no momento que estava deixando o país.

O Ministério das Relações Exteriores turco ordenou ao embaixador israelense Eitan Naeh que deixasse a Turquia na terça-feira para consultas por um período indeterminado de tempo por causa do relato das mortes de 60 palestinos realizadas por forças israelenses.

A mídia turca foi convidada a cobrir a partida de Naeh, que esteve sujeito ao que o Ministérios das Relações Externas descreveu como uma verificação de segurança severa e humilhante. Aparentemente, Naeh foi revistado e a equipe de segurança do Aeroporto Ataturk em Istambul lhe pediu que tirasse seus sapatos enquanto a imprensa turca olhava.

Em resposta à expulsão de Naeh, Israel ordenou ao cônsul geral turco em Jerusalém, Husnu Gurcan Turkoglu, que é responsável pelas relações da Turquia com os palestinos, que retornasse para casa para consultas. O embaixador da Turquia em Tel Aviv já tinha sido chamado de volta, assim como tinha o embaixador da Turquia em Washington.

Em resposta a expulsão de Israel do enviado turco, a Turquia convocou o cônsul geral de Israel em Istambul, Yossi Levi Safri, e também lhe pediu que deixasse o país.

Erdogan disse na terça-feira que “Netanyahu é o Primeiro-Ministro de um estado de apartheid. … Ele tem o sangue dos palestinos em suas mãos e não pode encobrir crimes atacando a Turquia.”

Em troca, o Primeiro-Ministro Netanyahu rechaçou Erdogan: “Um homem que envia milhares de soldados turcos manterem a ocupação do norte do Chipre e invade a Síria não vai pregar para nós quando nos defendemos de um atentado do Hamas. Um homem que tem as mãos manchadas com o sangue de incontáveis cidadãos curdos na Turquia e na Síria é a última pessoa a pregar para nós sobre éticas de combate.”

Na terça-feira, a África do Sul chamou de volta seu embaixador de Tel Aviv, dizendo que “condena nos termos mais fortes possíveis o mais recente ato de agressão violenta realizado pelas forças armadas israelenses ao longo da fronteira de Gaza.” Nos últimos anos, a Irlanda, Bélgica e Luxemburgo convocaram seus embaixadores israelenses para expressarem sua consternação e protestarem contra o número de mortes em Gaza.

Fonte: https://www.turkishminute.com/2018/05/16/fck-turkey-netanyahus-son-posts-on-instagram-amid-diplomatic-row/

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer