Últimas notícias

Turquia lamenta veto a resolução da ONU para retirada de decisão dos EUA quanto a Jerusalém

Turquia lamenta veto a resolução da ONU para retirada de decisão dos EUA quanto a Jerusalém
dezembro 19
11:17 2017

O Ministério das Relações Exteriores da Turquia tinha dito que lamenta o veto dos Estados Unidos, na segunda-feira, a uma resolução do Conselho de Segurança da ONU, que pedia que a declaração dos EUA de Jerusalém como a capital de Israel fosse retirada, apesar de os 14 outros membros votarem a favor da resolução, informou a Reuters.

“Os Estados Unidos serem deixados sozinhos no voto é um sinal concreto da ilegalidade de sua decisão sobre Jerusalém”, o Ministério das Relações Exteriores turco disse em uma declaração.

O Ministério disse que a decisão dos EUA de vetar a resolução mostrou mais uma vez que Washington havia “perdido a objetividade” e que era inaceitável para o Conselho de Segurança ser deixado “sem efeito” com uma ação desse tipo.

O presidente turco Recep Tayyip Erdogan tomou uma posição de liderança em oposição à ação do presidente americano Donald Trump de reconhecer Jerusalém como a capital de Israel, recebendo membros da Organização para a Cooperação Islâmica (OCI) na semana passada para uma cúpula. Um comunicado emitido após a cúpula disse que os participantes consideraram a ação como sendo uma declaração de que Washington estava se retirando de seu papel de “patrocinador da paz” no Oriente Médio.

Logo após o veto dos EUA à resolução, um porta-voz de Erdogan disse que a anulação da decisão de Trump seria buscada na Assembleia Geral da ONU.

“Todos os países, exceto a administração de Trump, agiram em uníssono nesta votação. Agora o período da Assembleia Geral da ONU iniciará”, disse Ibrahim Kalin em um tweet.

Fonte: www.turkishminute.com

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer