Últimas notícias

Assessor de Erdogan manda aviso para os EUA na Síria

Assessor de Erdogan manda aviso para os EUA na Síria
Maio 03
12:28 2017

O assessor chefe do Presidente Recep Tayyip Erdogan e colunista Ilnur Cevik avisou que caças turcos podem atingir acidentalmente soldados americanos no norte da Síria. Esse aviso vem em uma época em que os EUA declararam estarem inquietos com os ataques aéreos turcos na região.

Na semana passada os EUA expressaram uma “profunda preocupação” com os ataques aéreos turcos que mataram cerca de 24 combatentes curdos na Síria e no Iraque.

As Unidades de Proteção Popular (YPG), apoiadas pelos EUA, que estão lutando contra o Estado Islâmico na Iraque e no Levante (ISIL ou ISIS), disseram que suas posições foram atingidas várias vezes.

A Turquia considera as YPG como ligadas ao terrorista Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), que tem travado uma guerra sangrenta no sudeste da Turquia desde 1984.

Em uma conversa na rádio chinesa CRI FM hoje, perguntaram a Cevik a cerca do que ele pensava sobre “os EUA atuarem como um escudo para o PKK durante possíveis ataques turcos”, ele disse: “Os deslocamentos [das forças americanas] lá não significam nada. Se aqueles terroristas do PKK continuarem seus ataques na Turquia, vocês sabem que eles estão se infiltrando no norte do Iraque. … O que aconteceu com o DAESH (ISIS)? Nós fomos lá de repente em uma noite e nos encontramos em al-Bab. A mesma coisa é válida para o norte da Síria. Se eles forem adiante, os nossos não vão se importar se as [forças] blindadas americanas estiverem lá. Quem sabe, vários foguetes podem também atingir eles acidentalmente”.

Quando o apresentador do programa falou a Cevik que suas afirmações eram um pouco pesadas, ele respondeu: “O que se supõe que deveríamos fazer quando eles fazem isso?”

O porta-voz do Departamento de Estado americano, Mark Toner, disse na última terça-feira: “Estamos muito preocupados, profundamente preocupados pois a Turquia conduziu ataques aéreos no começo do dia no norte da Síria e também no norte do Iraque sem a devida coordenação ou com os Estados Unidos ou com a mais ampla coalizão global para derrotarem o EI (ISIS)”.

Fonte: www.turkishminute.com

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Mailer