Últimas notícias

Seminário debate processo democrático na Turquia

Seminário debate processo democrático na Turquia
março 07
15:40 2016

O Centro Cultural Brasil Turquia (CCBT) realizará, no dia 26 de maio às 19 horas, o seminário “Cultura Humanitária nos processos democráticos dos países emergentes, exemplo da Turquia”. O evento, sediado na sede da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), conta com os palestrantes Ihsan Yilmaz, professor de Sociologia e Presidente do Instituto Istambul, e de Selcuk Gultasli, chefe do Departamento do Zaman Bruxelas e produtor do programa TV Quinzenal para o Samanyolu Haber TV, em que recebe políticos europeus para falar sobre as relações Turquia-União Europeia.

Na última década, a Turquia, além de ser um dos países que mais cresceu economicamente, com uma média de 6% ao ano, também foi considerada um exemplo ao mundo muçulmano, conseguindo ter uma democracia em prática sem deixar de ser um país de maioria muçulmana. O AKP (Partido da Justiça e do Desenvolvimento) estava cumprindo suas promessas com as quais se comprometeu na sua fundação em 2001, para levar a Turquia à União Europeia e mudar a constituição por uma mais liberal, democrática e civil.

Em 2011, o fundador do partido, primeiro-ministro durante 12 anos e hoje presidente, Recep Tayyip Erdogan, ganhou duas eleições com maioria de votos e teve um resultado muito positivo no referendo em 2010, pela mudança na constituição. No mesmo ano, começou a mudança do Erdogan e de seu governo em direção de um sistema autoritário. O surgimento da “primavera árabe”, o medo de sofrer levantes populares similares; a ambição para ser líder da região e do mundo muçulmano; e os esquemas de corrupções revelados em dezembro de 2013 foram decisivos ao começo da atuação autoritária do Erdogan e de seu governo.

Hoje, a Turquia, embora com defeitos, possui uma cultura democrática e tem índices baixíssimos na classificação mundial em liberdade de expressão, direitos humanos e funcionamento independente dos poderes.

Neste seminário, o jornalista e acadêmico, Ihsan Yilmaz, presidente do Instituto de Istanbul, colunista do jornal Today’s Zaman e professor de sociologia na Universidade de Fatih, em Istanbul; e o jornalista Selçuk Gultasli, representante do grupo do jornal Zaman em Bruxelas, discutirão os desafios pela continuidade da democracia na Turquia.

Os interessados devem se inscrever até o dia 25 de maio através do [email protected], encaminhando nome completo, profissão, data de nascimento, telefone e e-mail. O evento é gratuito. A Associação Nacional da Imprensa, que fica na rua Araújo Porto Alegre 71, 7º andar, Centro, Rio de Janeiro.

Fonte: www.abi.org.br

Fonte: www.brasilturquia.com.br

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Mailer