Últimas notícias

Documentário detalha perseguição de centenas de cadetes militares durante o golpe fracassado de 2016 

Documentário detalha perseguição de centenas de cadetes militares durante o golpe fracassado de 2016 
julho 17
00:00 2022

Um documentário que conta as histórias de cadetes militares na Turquia, centenas dos quais foram injustamente condenados devido ao seu suposto envolvimento em um golpe fracassado em 2016, estreou no YouTube, chamando a atenção de todos, informou na quinta-feira a Turkish Minute. 

Com o título “Mavi Otobüs” (Ônibus Azul), o documentário de 44 minutos, legendado em 14 idiomas e que dá voz a seis cadetes da força aérea que falam sobre os principais eventos que aconteceram antes, durante e depois da tentativa de golpe de 15 de julho de 2016, foi lançado no canal “Askeri Öğrenci Komitesi” (Comitê de Cadetes Militares) no YouTube dois dias antes do sexto aniversário do golpe abortado. 

Os Cadetes Halit Tunç, Adnan Yıldız, Lokman Hekim Avcı, Rıdvan Aydın, İhsan Kurt e Samet Yazgaç, que haviam deixado a Turquia temendo por suas vidas e que atualmente vivem no exterior, disseram ter filmado o documentário em quatro países “pela liberdade de nossos amigos e pela compreensão da verdade”. 

Os cadetes militares negaram participar da tentativa de golpe e disseram que estavam agindo somente sob ordens de seus superiores, que lhes disseram que houve um ataque terrorista na noite da tentativa de golpe. Dezenas de cadetes militares que foram condenados à prisão perpétua sob acusações de golpe de estado foram libertados da prisão nos últimos meses para serem novamente julgados depois que a Suprema Corte de Apelação do país anulou suas sentenças.  Os cadetes estavam na prisão há cerca de seis anos. 

O título do documentário se refere aos ônibus que centenas de cadetes embarcaram na noite da tentativa de golpe de Estado sob ordens de seus comandantes, pensando que eles iriam enfrentar um ataque terrorista. No entanto, de repente, eles se encontraram no meio de uma multidão enfurecida, segundo o documentário, o que levou ao linchamento de dois cadetes, Murat Tekin e Ragıp Enes Katran. 

Após a tentativa de golpe, 16.409 cadetes militares foram expulsos de suas academias por decretos-lei de emergência não sujeitos a escrutínio judicial ou parlamentar, e 355 deles foram condenados à prisão perpétua, sendo alguns deles anulados pelo Supremo Tribunal de Recursos, de acordo com os números revelados no final do vídeo. Em julho de 2022, 209 cadetes ainda se encontravam atrás das grades. 

O documentário, que atingiu mais de 250.000 espectadores no primeiro dia de seu lançamento, recebeu críticas positivas de muitos, inclusive jornalistas. 

“Em 15 de julho, eles se encontraram em um linchamento. Eles falaram sobre isso muitas vezes em tribunal. Eles passaram meses e anos na prisão. Suas vozes quase não eram ouvidas. Agora eles … estão falando sobre a grande injustiça [que enfrentaram] em #MaviOtobus”. Tire 45 minutos de seu tempo [para assistir]”, disse o jornalista Banu Güven em um tweet. 

A advogada e autora Hürrem Sönmez também disse que, como “pessoa fóbica de armas sem simpatias militares”, ela achou o que foi dito no documentário “estupendo” de um ponto de vista objetivo. 

“A justiça também deve vir para os estudantes que ainda estão detidos, mesmo que já se tenham passado 6 anos”. Acho que todos deveriam observar [e ver] como a vida dessas pessoas foi roubada. Espero que aqueles que usaram essas crianças como isca e as jogaram na frente da multidão [em 15 de julho] não fiquem impunes”, acrescentou ela. 

A tentativa de golpe de estado custou a vida de 251 pessoas e foi encerrada da noite para o dia. 

Imediatamente após o golpe abortado, o governo do Partido da Justiça e Desenvolvimento (AKP) juntamente com o presidente Recep Tayyip Erdoğan atribuiu a culpa ao movimento Hizmet, baseado na fé. O movimento nega fortemente qualquer envolvimento. 

Fonte: Documentary details persecution of hundreds of military cadets over failed 2016 coup – Stockholm Center for Freedom (stockholmcf.org)  

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer