Últimas notícias

44 ONGs pedem a libertação do jornalista curdo preso por reportar tortura

44 ONGs pedem a libertação do jornalista curdo preso por reportar tortura
junho 18
18:21 2020

O PEN International, o International Press Institute (IPI), a Media and Law Studies Association (MLSA) e 41 outras organizações da Europa e do mundo divulgaram uma declaração conjunta nesta terça-feira pedindo a libertação do jornalista curdo Nedim Türfent, que está prestes a marcar seu 1.500º dia atrás das grades em 21 de junho.

Türfent foi detido em maio de 2016, pouco depois de divulgar imagens de vídeo dos maus-tratos das forças de segurança turcas para cerca de 40 trabalhadores principalmente curdos, algemados com as mãos para trás e obrigados a deitar no chão na cidade de Hakkari, no sudeste do país.

No vídeo, publicado pela agora proibida e pró-curdos Agência de Notícias Dicle (DİHA), um policial foi visto gritando com os trabalhadores: “Vocês verão o poder dos turcos! O que esse estado fez para vocês?” aparentemente alegando que os trabalhadores tinham ligações com o Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK).

Acusado de ser membro de uma organização terrorista, Türfent foi condenado a oito anos e nove meses de prisão. A sentença foi posteriormente confirmada pelo Supremo Tribunal de Apelações da Turquia. O caso de Türfent está agora pendente no Tribunal Europeu de Direitos Humanos.

“Foi negado a Türfent o direito de comparecer pessoalmente ao seu julgamento, uma das muitas violações a um julgamento justo”, disseram as ONGs. “Os procedimentos judiciais foram rápidos para os padrões turcos e chegaram a um julgamento destinado a punir Türfent imediatamente por seu jornalismo que conta a verdade”.

Um dos principais carcereiros de jornalistas do mundo, a Turquia ficou em 154º lugar entre 180 países no Índice Mundial da Liberdade de Imprensa 2020, publicado pela Repórteres Sem Fronteiras (RSF).

Fonte: 44 NGOs call for release of Kurdish journalist Türfent ahead of 1,500th day in jail

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer