Últimas notícias

Interpol remove a Turquia do banco de dados devido a “uma questão de confiança”

Interpol remove a Turquia do banco de dados devido a “uma questão de confiança”
outubro 18
09:57 2019

A Interpol removeu a Turquia de seu banco de dados depois que o governo turco enviou uma lista de pelo menos 60.000 indivíduos procurados por suspeitas de ligações ao grupo Gülen, acusado pela Turquia de planejar uma tentativa de golpe em 15 de julho de 2016.

De acordo com o jornal pró-governo Yeni’afak, a decisão de suspender o acesso da Turquia ao banco de dados da Interpol ocorreu após a tentativa de golpe de julho de 2016.

A Interpol alegadamente disse que a longa lista da Turquia constituía “uma questão de confiança”.

No entanto, um porta-voz da Interpol disse à BBC Turkish na quarta-feira: “A Interpol apoia todos os 190 estados membros como parte da cooperação entre organizações policiais. Não há proibição de acesso da Turquia ao banco de dados da Interpol, incluindo pesquisas de pessoas que são objeto de mandados de busca internacionais. ”

O governo turco cancelou os passaportes de cerca de 50.000 pessoas para impedi-las de sair do país, enquanto carregava outros 60.000 nomes nos dados da Interpol após a tentativa de golpe.

Sem um aviso da Interpol, os portadores de passaporte turco podem usar seus passaportes atuais. O banco de dados da Interpol, que inclui informações de passaporte dos indivíduos procurados, permite que os países detenham suspeitos depois que seus números de passaporte forem determinados no sistema.

Fonte: https://turkeypurge.com/interpol-removes-turkey-from-database-due-to-an-issue-of-trust

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer