Últimas notícias

TV Gazeta faz reportagens na Turquia sobre refugiados

TV Gazeta faz reportagens na Turquia sobre refugiados
junho 22
23:31 2016

Parte 01: Na Turquia, refugiados sírios buscam viver em paz

TV Gazeta. No dia mundial do refugiado, o jornal da gazeta inicia a série de reportagem “crise humanitária. Dados da ONU mostram que mais de sessenta e cinco milhões de pessoas já fugiram de suas casas, só em 2015, por causa de conflitos e perseguições.

Parte 02: Refugiados lembram da vida na Síria sem guerra

Em 2010, o Brasil recebeu cerca de mil solicitações de refúgio. No ano passado, o número saltou para quase vinte e nove mil. Na segunda reportagem da série “Crise Humanitária”, a repórter e professora da faculdade Cásper Líbero, Cilene Victor, mostra a realidade dos refugiados sírios que vivem na Turquia e no Brasil.

Parte 03: Refugiados sírios sem espaço na imprensa turca

Na terceira e última reportagem da série “Crise Humanitária”, a repórter e professora da Faculdade Cásper Líbero, Cilene Victor, mostra a ofensiva contra a imprensa independente na Turquia. Jornalistas são perseguidos, mais de trinta foram presos e o jornal de maior circulação do país, o Zaman, é hoje controlado pelo governo.

Guerra Civil Síria

A Guerra Civil Síria (às vezes referida como Revolta Síria ou ainda Revolução Síria; em é um conflito interno em andamento na Síria, que começou como uma série de grandes protestos populares em 26 de janeiro de 2011 e progrediu para uma violenta revolta armada em 15 de março de 2011, influenciados por outros protestos simultâneos no mundo árabe. Enquanto a oposição alega estar lutando para destituir o presidente Bashar al-Assad do poder para posteriormente instalar uma nova liderança mais democrática no país, o governo sírio diz estar apenas combatendo “terroristas armados que visam desestabilizar o país”. Com o passar do tempo, a guerra deixou de ser uma simples “luta por poder” e passou também a abranger aspectos de natureza sectária e religiosa, com diversas facções que formam a oposição combatendo tanto o governo quanto umas às outras. Assim, o conflito acabou espalhando-se para a região, atingindo também países como Iraque e o Líbano, atiçando, especialmente, a rivalidade entre xiitas e sunitas. Leia mais…(Wikipedia)

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer