Últimas notícias

Vendas de jornal turco confiscado caem 99%

Vendas de jornal turco confiscado caem 99%
Março 15
10:58 2016

Os números das vendas do jornal turco “Zaman” caíram mais de 99% desde que o governo interveio no último dia 4 e sua linha editorial crítica foi reorientada para posturas mais favoráveis ao poder, segundo os dados publicados pelo Medyatava, um órgão de controle de divulgação.

Desde seu confisco e o controle de gerentes nomeados pelo Executivo, as vendas caíram desde os 548.333 exemplares de antes a apenas 3.668.

A comissão de gestão começou a cuidar do jornal após a decisão de um tribunal de Istambul, que considerou o “Zaman” parte da rede do predicador Fethullah Gülen, um movimento social e religioso que a Promotoria turca qualificou de “terrorista”.

“Zaman” nunca ocultou sua proximidade a Gülen, um predicador islamita turco exilado nos Estados Unidos, cujo movimento foi o aliado mais sólido do governante partido Justiça e Desenvolvimento (AKP), islamita também, até 2013, ano no qual se tornou em seu inimigo.

Em 4 de março, a polícia tomou pela força a redação do “Zaman” e desde então a orientação do jornal mudou de crítico ao governo a pró-governo.

A equipe do “Zaman” lançou um novo jornal, chamado “Yarina Bakis” (Olhando o Amanhã), que já vende 209 mil exemplares, no posto quinto de uma lista liderada pelo jornal opositor “Hürriyet”, com 350 mil exemplares.

Fonte: http://exame.abril.com.br/

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Mailer