Últimas notícias
  • Mais dois navios com grãos partem da Ucrânia, diz o Ministério da Defesa da Turquia  Mais dois navios transportando grãos que saíram dos portos do Mar Negro da Ucrânia no sábado, disse o Ministério da Defesa da Turquia, elevando para 16 o número total de navios a sair do país sob um acordo entre a ONU e a Turquia. ...
  • [ANÁLISE] Erdoğan aumenta o domínio sobre as TSK para facilitar a colaboração com regimes autoritários  O mundo está evoluindo de uma ordem mundial unipolar dominada por um único poder para um sistema político multipolar no qual mais de um poder luta pelo domínio. Na atual luta de grandes potências, o presidente turco Recep Tayyip Erdoğan acredita que pode manter seu poder político aliando-se à Rússia, China e Irã. Após sua reunião bilateral com o presidente russo Vladimir Putin em Sochi em 5 de agosto, Erdoğan disse aos repórteres que Putin o havia convidado para uma reunião da Organização de Cooperação de Xangai (SCO) a ser realizada no Uzbequistão de 16 a 18 de setembro de 2022. Como o Erdoğan explica que, como presidente de um país membro da OTAN, ele possa participar de uma reunião da SCO, que reúne regimes autoritários? Qual é a conexão entre a estreita cooperação do Erdoğan com os regimes autoritários e os regulamentos que levaram ao domínio do Erdoğan sobre as Forças Armadas Turcas (TSK) após uma tentativa de golpe na Turquia em 15 de julho de 2016? ...
  • “Eles estão nos matando”: Migrantes presos em uma pequena ilha pedem ajuda A organização AGreek de direitos humanos tem chamado as autoridades para ajudar dezenas de migrantes e requerentes de asilo que dizem ter ficado presos em uma pequena ilha fluvial na fronteira entre a Grécia e a Turquia. O Conselho Grego de Refugiados disse à CBS News que o contato com o grupo foi perdido na quarta-feira depois que uma jovem entre o povo desesperado foi alegadamente morta por um escorpião esta semana. ...
  • Envolvimento da Turquia com o Afeganistão cresceu desde a tomada do Talibã Enquanto muitos países cortaram os laços diplomáticos com o Afeganistão após o retorno do Talibã ao poder no ano passado, a Turquia, o único membro da OTAN com presença diplomática no país devastado pela guerra, tem sido ativa em muitas frentes. ...
  • Menino britânico, quatro anos, desaparece depois de viajar para a Turquia com sua mãe  Um menino britânico de quatro anos foi dado como desaparecido após viajar para a Turquia com sua mãe. Acredita-se que George Jack Temperley-Wells tenha viajado de Darlington para a região de Antalya com sua mãe, Brogan Elizabeth Temperley, em 29 de junho deste ano. ...
  • 69,3% dos turcos que lutam para pagar por alimentos, diz pesquisa A maioria das pessoas na Turquia está lutando para pagar pelos alimentos, uma vez que o aumento do custo de vida está afetando sua renda, informou a Turkish Minute, citando os resultados de uma pesquisa realizada pelo Centro de Pesquisa Social Yöneylem. ...
  • Turquia acatou a sentença do TEDH sobre Kavala, argumenta o ministro da justiça Ao contrário do que o Tribunal Europeu de Direitos Humanos (TEDH) disse em um julgamento no mês passado, o ministro da justiça da Turquia, Bekir Bozdağ, argumentou que os tribunais...
  • Navio com grãos ucranianos recusados pelo Líbano atraca na Turquia Um navio com milho ucraniano, anteriormente rejeitado por um comprador no Líbano devido a "violação das condições de entrega" atracou no porto de Mersin, na Turquia. ...
  • Bancos turcos adotando o sistema de pagamentos russo Cinco bancos turcos assumiram o sistema de pagamentos russo conhecido como Mir, disse no sábado o presidente turco Recep Tayyip Erdoğan, após suas conversas com o presidente Vladimir Putin no resort do Mar Negro de Sochi.  ...
  • Putin tem a chave para a reeleição de Erdoğan, diz o analista russo O contínuo apoio político e financeiro do presidente russo Vladimir Putin é necessário para que o presidente turco Recep Tayyip Erdoğan ganhe a reeleição no próximo ano, disse um importante analista russo na segunda-feira, refletindo sobre uma reunião entre eles em Sochi, Rússia, que gerou alarme nas capitais ocidentais. ...

Entenda o processo do conflito na Síria

Entenda o processo do conflito na Síria
fevereiro 26
10:59 2016

O cessar-fogo parcial na Síria, previsto a partir da noite desta sexta-feira, ocorre depois que várias outras tentativas de estabelecer uma trégua fracassaram.

O conflito, que começou em 2011, já deixou mais de 270.000 mortos e obrigou milhares de pessoas a fugir.

No dia 2 de novembro de 2011 os países da Liga Árabe chegaram a um acordo com a Síria para deter os combates, libertar os presos e retirar as tropas localizadas nas cidades. Nenhum dos compromissos foi respeitado.

Nas semanas posteriores, a Liga suspendeu a Síria e aplicou duras sanções.

No início de 2012, a Síria fechou a porta a uma solução negociada com os países árabes e disse que seu objetivo era sufocar o levante armado.

Em 12 de abril de 2012, o delegado especial da Liga Árabe negociou uma trégua que durou poucas horas.

Entre 14 de abril e 21 do mesmo mês, o Conselho de Segurança da ONU aprovou duas resoluções para mobilizar uma missão de observadores. No entanto, em 16 de junho o chefe dos enviados anunciou a suspensão da missão devido à intensificação da violência.

Em 30 de junho de 2012, um grupo formado por Estados Unidos, China, Rússia, França, Reino Unido, Turquia e alguns países árabes anunciou um acordo para uma transição, mas depois as opiniões sobre este processo começaram a divergir.

Para Washington, este acordo, que nunca chegou a ser aplicado, abria caminho para o fim da era Asad, enquanto Moscou e Pequim sustentavam que cabia aos sírios determinar o futuro político de seu país.

Em 14 de setembro de 2013, os Estados Unidos e a Rússia acordaram em Genebra um desmantelamento das armas químicas nas mãos do governo sírio, depois que um ataque atribuído ao regime deixou centenas de mortos perto de Damasco.

Este acordo evitou um ataque aéreo iminente com o qual os Estados Unidos ameaçaram.

Entre 22 e 31 de janeiro de 2014, após uma série de negociações na Síria entre os representantes do governo sírio, apoiado pela Rússia, e algumas personalidades da oposição, nenhum resultado concreto foi alcançado.

No dia 15 de fevereiro, o mediador da ONU, Lakhdar Brahimi, que substituiu Annan, pôs fim aos diálogos.

No dia 13 de maio, o diplomata renuncia ao seu cargo e em julho é substituído por Staffan de Mistura.

No dia 30 de outubro de 2015, um mês após a Rússia começar a bombardear territórios sírios a pedido de Damasco, 17 países, incluindo França, Estados Unidos e Irã, se reuniram em Viena.

O regime e a oposição estiveram ausentes destas negociações e ao fim do encontro ficaram evidentes profundas divergências sobre qual deveria ser o futuro de Assad.

Em 14 de novembro, diplomatas de todo o mundo se reuniram em Viena e fixaram um mapa do caminho, embora as divergências sobre Assad persistissem.

Em 18 de dezembro de 2015, o Conselho de Segurança da ONU aprovou pela primeira vez um plano para levar adiante uma solução política ao conflito, incluindo uma proposta para estabelecer um governo de transição por seis meses e a convocação para eleições em um prazo de 18 meses.

No dia 29 de janeiro de 2016 começam em Genebra as negociações entre alguns atores da oposição e do regime.

Em 3 de fevereiro, as negociações ficaram suspensas depois que Damasco lançou uma ofensiva apoiado pela Rússia.

No dia 12 de fevereiro de 2016, o Grupo Internacional de Apoio à Síria (GIAS), dirigido por Washington e Moscou, acordou em Munique o fim das hostilidades na Síria, dando como prazo uma semana.

A trégua foi ignorada.

No dia 22 de fevereiro, Estados Unidos e Rússia voltaram a anunciar um plano para o fim das hostilidades a partir de 27 de fevereiro às 22h00 GMT (19h00 de Brasília). A trégua foi aceita pelo regime, pela oposição e pelas milícias curdas, mas não inclui os grupos jihadistas.

Fonte: http://www.istoedinheiro.com.br/

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer