Últimas notícias

Polícia alemã invade apartamentos de 4 imãs turcos suspeitos de espionagem

Polícia alemã invade apartamentos de 4 imãs turcos suspeitos de espionagem
fevereiro 15
14:02 2017

Equipes da polícia alemã na quarta-feira de manhã invadiram os apartamentos de quatro imãs da União Turco-Islâmica para Assuntos Religiosos (DITIB) na Renânia do Norte-Vestfália e em Renânia-Palatinado que eram suspeitos de atuarem como informantes sobre simpatizantes do Hizmet, movimento baseado na fé e inspirado nas ideias de Fethullah Gulen.

O Escritório do Promotor Público Federal (GBA) disse em uma declaração que os imãs haviam agido segundo uma ordem emitida em 20 de setembro do ano passado pelo Diretorado de Assuntos Religiosos Turco que acusou o Hizmet de arquitetar a tentativa fracassada de golpe em 15 de julho do ano passado.

O Ministro da Justiça alemão, Heiko Maas, disse que os quatro imãs eram membros da DITIB.

“Está claro que a influência do estado turco sobre a DITIB é grande. A associação deve plausivelmente se desvincular de Ancara”, disse Maas em uma declaração.

O GBA disse que as buscas de quarta-feira tinham o objetivo de encontrar mais evidências para ligar os suspeitos a atividades de espionagem.

“Os imãs são suspeitos de terem coletado informações sobre membros do assim chamado Hizmet e passado isso adiante para o consulado geral em Colônia”, disse o GBA.

No mês passado, o GBA lançou uma investigação sobre as operações da inteligência turca em solo alemão depois que um legislador deu entrada com uma queixa criminal. A Áustria também está investigando se a Turquia tem operado uma rede de informantes visando os seguidores do Hizmet em seu solo, através de sua embaixada em Viena.

A Turquia acusou a Alemanha de abrigar militantes do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) e pessoas de extrema-esquerda do DHKP/C, que já realizou atentados na Turquia. As autoridades alemãs rejeitam a acusação.

Fonte: www.turkishminute.com

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer