Últimas notícias

UE apoia isenção de vistos para os turcos mas apresenta condição

UE apoia isenção de vistos para os turcos mas apresenta condição
maio 04
14:03 2016

A Comissão Europeia propôs nesta quarta-feira (4) a isenção de vistos aos mais 80 milhões de turcos para viagens à União Europeia (UE), uma das condições de Ancara para implementar o controverso acordo migratório.

“A Comissão Europeia propõe liberalizar os requisitos de vistos para os cidadãos turcos com a condição de que a Turquia cumpra de maneira urgente todos os critérios estabelecidos pela UE”, afirma um documento publicado no Twitter pela comissária europeia de Concorrência, Margrethe Vestager.

Fonte: G1

Adesão da Turquia à União Europeia

A Turquia fez o seu pedido de adesão à União Europeia (UE) a 14 de Abril de 1987. Desde 1963 (altura em que assinou o Acordo de Ancara ) que a Turquia tem tentado desenvolver relações mais estreitas, primeiro com a CEE (Comunidade Económica Europeia) e depois com a sua sucessora, a União Europeia. No ano de 1995, a Turquia assinou um acordo deunião aduaneira com a União Europeia e, a 12 de Dezembro de 1999, foi reconhecida oficialmente como candidata. Em 3 de Outubro de 2005, foram iniciadas as negociações formais para a plena adesão da Turquia à União Europeia. No entanto, é provável que demorem, pelo menos, dez anos para estarem completas, principalmente devido a entraves por parte de alguns líderes europeus.

Reações contrárias

A chanceler alemã, Angela Merkel, opõe-se à entrada da Turquia na União Europeia como membro de pleno direito, compartilhando a opinião da maioria dos alemães, que se opõe à entrada da Turquia, principalmente devido ao receio de aumento da emigração turca na Alemanha e da influência islâmica dentro da União Europeia. No entanto, após o início formal das negociações da entrada da Turquia na União Europeia e, uma vez em governo, Angela Merkel comprometeu-se a respeitar os compromissos adquiridos pelas instituições da União Europeia.

O antigo presidente francês, Nicolas Sarkozy manifestou várias vezes a sua oposição à entrada da Turquia na União Europeia, defendendo que se concede à Turquia um estatuto de parceria privilegiada.

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer