Últimas notícias

Inflação da Turquia atinge 83%, enquanto Erdogan promete continuar a cortar as taxas de juros

Inflação da Turquia atinge 83%, enquanto Erdogan promete continuar a cortar as taxas de juros
outubro 10
23:21 2022

Os preços ao consumidor mês a mês cresceram em 3,08%, e anualmente em 83,45%. O índice de preços ao produtor doméstico subiu 4,78% em relação ao mês anterior, e 151,5% ano a ano. 

A inflação para o país de 84 milhões de pessoas disparou nos últimos dois anos, em particular porque o presidente turco Recep Tayyip Erdogan insiste em continuar a cortar as taxas de juros em vez de aumentá-las – desviando-se da forma convencional de controlar a inflação. 

“Minha maior batalha é contra os juros. Meu maior inimigo são os juros. Nós baixamos a taxa de juros para 12%. Isso é suficiente? Não é o suficiente. Isto precisa baixar ainda mais”, disse Erdogan durante um evento no final de setembro. 

As chegadas do turismo em maio aumentaram 308% ano a ano, aumentando as esperanças de que uma recuperação no setor possa suportar o enfraquecimento da Lira. 

A inflação da Turquia subiu para uma nova alta de mais de 83% em setembro, em 24 anos, informou segunda-feira o órgão oficial de estatísticas do país. 

Somente nos últimos dois meses, o banco central da Turquia – visto como sob o controle de Erdogan – cortou as taxas em 200 pontos base para 12%, chocando os mercados. A lira turca está sendo negociada atualmente a um mínimo histórico de 18,56 para o dólar, e perdeu cerca de 28% de seu valor em relação ao dólar este ano. 

Autoridades turcas dizem que suas medidas trarão a inflação para baixo nos próximos meses, mas muitos economistas discordam e esperam que os preços ao consumidor subam e que a lira caia ainda mais no próximo ano. 

“Com as condições de financiamento externo apertando, os riscos permanecem firmemente inclinados para quedas bruscas e desordenadas da lira”, escreveu Liam Peach, economista sênior de mercados emergentes da Capital Economics, em uma nota após o último corte de taxa da Turquia em 22 de setembro. 

Fonte: Turkey inflation hits 83%; Erdogan vows to keep cutting rates (cnbc.com)  

Artigos relacionados

0 Comentários

Nenhum comentário ainda!

Não há comentários no momento, gostaria de adicionar um?

Escreva um comentário

Escreva um comentário

Deixe uma resposta

Mailer